A importância do caráter na vida de uma pessoa

Caráter nada mais é do que um conjunto de características morais e éticas que fazem com que o ser pratique sempre a bondade, a justiça e a verdade em todas as instâncias de sua vida, fazendo com que sua índole seja a coisa mais importante de sua existência no que tange suas ações no trato com o próximo. Em outras palavras, é um homem virtuoso em sua essência, que busca criar  princípios e valores valiosos que farão com que este seja reconhecidamente alguém de fibra moral e total admiração por parte dos outros.

Na Bíblia Sagrada, existe uma passagem que relata que a terra não era digna de alguns homens que pisaram em seu chão, ou seja, para Deus, algumas criaturas são tão especiais que sequer deveriam ter vindo para esse mundo de tantas injustiças e perversidades, por merecerem algo bem mais valoroso. Sem dúvidas, como seres humanos, estamos todos em pé de igualdade, porém, assim como as estrelas do céu, em que umas brilham mais do que as outras, alguns seres humanos se destacam mais por ostentarem alguns atributos singulares neste mundo em que vivemos, gerando dentro deles, uma aura inigualável e inalcançável pela maioria das pessoas.

Com absoluta certeza, existem muitas pessoas boas, mas, também é importante frisar que existe o manipulador, que usa seu poder intelectual e sua astúcia para maquiar seus verdadeiros pensamentos, agindo como se fosse um ser do bem, quando na verdade não passa de uma criatura imunda, cujo o adjetivo que devidamente a qualifica não é outro senão o de crápula. Esses seres possuem um exterior perfeito e um interior apodrecido, tendo uma incongruência exacerbada entre o que externam com os lábios e entre o que realmente praticam em suas ações cotidianas. Eles são Judas descarados, se vendem por qualquer tostão, trocando uma amizade verdadeira por um simples saquinho de pipocas e pior ainda do que isso: contam vantagem por se considerarem ardilosos diante daqueles que eles consideram como sendo néscios e passíveis de serem feitos de palhaços.

Desta forma, devemos separar o joio do trigo, peneirando para retirarmos as impurezas existentes, fazendo com que nossa vida seja transparente e recheada apenas de pessoas virtuosas. Sem dúvidas, essa interpretação não é uma tarefa fácil, devido à complexidade que é a de identificar se a personalidade alheia é genuína, fidedigna, pura e verdadeira, todavia, temos algumas estratégias que se forem colocadas em prática aumentarão nossas chances de obtermos êxito nessa nossa árdua missão.

Como identificar um homem de valor

Charles Chaplin brilhantemente disse: “Não se mede o valor de um homem pelas suas roupas ou pelos bens que possui, o verdadeiro valor do homem é o seu caráter, suas ideias e a nobreza dos seus ideais.”

Essa pequena frase do genial Chaplin nos entrega uma base sólida e perfeita de como devemos olhar para uma pessoa, pois, por muitas vezes, somos enganados pela voz serena, pela potência da vestimenta, pelo jeito acolhedor, pelos presentes que recebemos, pelas contas que são pagas para nós, pelas promessas que nos são feitas com entusiasmo, pelas atitudes positivas que nos dão uma sensação de segurança total, enfim, pelas exterioridades. E o que o nosso mestre está querendo nos dizer é exatamente isso: que devemos olhar um homem pelo seu coração, objetivando desmembrar quais são seus ideais e como ele age diante das injustiças que ele encontra no decorrer de sua vida.

O problema é que a humanidade é facilmente seduzida por essas bobagens que somente servem para nos afastar da castidade moral, nos transformando em seres totalmente apegados a objetos passageiros e nos fazendo acreditar em arquétipos criados somente para nos destruir. Desta maneira, as pessoas tem uma tendência a inverter a verdade, por conta da cegueira herdada por uma mente cauterizada e influenciada por falsos profetas que propagam uma doutrina que não procede dos valores éticos e morais que deveriam nortear toda a sociedade em si. Por isso, Jonathan Swift disse: “Quando um verdadeiro génio se mostra ao mundo reconhece-se logo da seguinte maneira: todos os idiotas se juntam e conspiram contra ele.”

Deste modo, um homem de caráter em uma sociedade injusta, alienada e hipócrita será sempre visto como um vilão, tendo em vista, que ele é a antítese das negatividades criadas. Assim, ele será perpetuamente bombardeado de críticas por conta de seu jeito de ser, que, mesmo sendo benéfico para o todo, será motivo de desdém por ser constituído de princípios que poucos valorizam e alguns sequer sabem que existem.

Mas afinal de contas, como identificar um homem de caráter sem cometer equívocos?

Seguindo o raciocínio, elaborei um pequeno texto autodenominado “Mais do que felizes”, no qual eu externo as características marcantes de um homem que possui índole e total compromisso com a honra, confira:

Mais do que felizes


Mais do que felizes são aqueles que ostentam um coração puro e cheio de sentimentos bons, não dando espaço para as malignidades…

Mais do que felizes são aqueles que não se conformam com as injustiças desse mundo, fazendo de si mesmos verdadeiros heróis, lutando contra os vilões que aqui se encontram…

Mais do que felizes são aqueles que perdoam os que não merecem…

Mais do que felizes são aqueles que se compadecem do sofrimento alheio…

Mais do que felizes são aqueles que se contentam com apenas uma pessoa a vida inteira e que lutam, com todas as suas forças, somente para a consecução da felicidade da mesma…

Mais do que felizes são aqueles que buscam a simplicidade, fazendo das coisas mais singelas a sua âncora…

Mais do que felizes são aqueles que estendem as mãos para os seus perseguidores…

Mais do que felizes são aqueles que estão dispostos a aprender sempre, ou seja, aqueles que não foram completados…

Mais do que felizes são aqueles que estão dispostos a ouvir os sentimentos do seu próximo, aconselhando-os e tentando levantar sua autoestima, resgatando-os da prisão e trazendo-os novamente para a luz…

Mais do que felizes são todos aqueles que não tem medo de manifestarem seus sentimentos, seja através da música, da poesia, ou em uma simples folha de papel…

Mais do que felizes são os que possuem aversão à vingança e regozijo em apartar brigas…

Mais do que felizes são aqueles que não perderam sua honra e dignidade, não deixando que as propostas sedutoras desse mundo os contaminassem…

Mais do que felizes são aqueles que são sinceros e amam a verdade, mesmo que tenham que pagar um alto preço por isso…

Mais do que felizes são aqueles que não seguem o curso da maioria, como robôs padronizados, que existem apenas para a repetição…

Mais do que felizes são os que amam de maneira incondicional, sem esperar nada em troca…

Mais do que felizes são aqueles que aceitam o outro do jeito que ele é, sem querer “completá-lo” da sua maneira…

Mais do que felizes são aqueles que buscam a reconciliação, se esquecendo das coisas negativas e se lembrando somente das positivas…

Mais do que felizes são os humildes, esses seres exacerbadamente inferiores a maioria, que apesar de saberem o quão formosos são, preferem o anonimato e a não reverência…

Mais do que felizes são aqueles que conseguem não só compreender os animais, mas a apreciar a beleza de seus olhares…

Mais do que felizes são os conservadores, essas pessoas que não são levadas pela depravação terrena que estamos vivenciando, ou seja, aqueles cujos valores são imutáveis…

Mais do que felizes são aqueles que nada temem, pois, nasceram com uma intrepidez semelhante a um leão no auge de sua jovialidade…

Mais do que felizes são aqueles que sabem esperar, ou seja, os que não são poços de ansiedade, e que buscam fazer da paciência a sua maior virtude…

Mais do que felizes são aqueles que possuem dentro de si mesmos uma aurora divina, guardando resquícios de compaixão por esse planeta tão castigado pela inconsequência humana…

Mais do que felizes são os pensadores, que reservam um tempo para refletirem sobre si mesmos e sobre seus semelhantes…

Mais do que felizes são todos os tolerantes, que sabem ouvir críticas sem se revoltar, ou, buscar rebatê-las…

Mais do que felizes são aqueles que valorizam o qualitativo em detrimento do quantitativo, peneirando para retirar as impurezas existentes…

Mais do que felizes são aqueles que sentem prazer em servir os outros, como um garçom eterno, cuidando para que ninguém saia dessa vida sem ter experimentado o melhor dela…

Mais do que felizes são aqueles que fazem do amor, da paz e da unidade, os três pilares máximos de suas personalidades, fazendo desse lugar, um lugar tão pacífico quanto o paraíso divino…

Pablo de Paula Bravin

O que ocorre com um mundo onde ninguém valoriza a ética e a moral?

A educação é o segredo para a criação de uma nação forte e justa, dando as pessoas totais condições de serem completamente realizadas sob o ponto de vista pessoal e profissional. No entanto, é um processo a longo prazo e exige investimento, determinação e total comprometimento de todos na consecução deste importante quesito.

Um país onde as pessoas não são preparadas para se relacionarem umas com as outras (respeitando a justiça em todos os aspectos), tende a sofrer consequências gravíssimas. Temos como exemplo prático, o nosso Brasil, onde vemos a violência crescer assustadoramente em nosso meio: assassinatos, assaltos, estupros, dentre outras milhares de perversidades, são cada vez mais constantes em nosso meio. Desta maneira, vivemos enjaulados, presos em nossas fortalezas, blindados por cercas elétricas, alarmes, cães, seguranças, vidros impenetráveis, enfim, como se estivéssemos no meio de uma guerra, onde pudéssemos contemplar face a face o fogo cruzado bem na nossa frente, cabendo a nós criarmos nossos escudos contra nossos respectivos “soldados” rivais.

Além disso, vemos a corrupção tomar conta da nossa política. Assim, os homens que deveriam cuidar do tesouro nacional, fazem exatamente o contrário. Obviamente, a corrupção e as falcatruas existem em todos os países, todavia, com esse nível de canalhice, é somente por aqui, onde os participantes desse cenário cada vez mais demonstram falta de vergonha na cara, prejudicando grandiosamente a população. A saúde, a educação, a infraestrutura, a segurança, entre outros direitos essenciais à vida, estão sendo negligenciados por eles, causando desigualdade e exclusão social entre os cidadãos que mantém o país funcionando. Desta maneira, imperam os escândalos, o nepotismo, e a impunidade daqueles que usam sua astúcia para roubarem o dinheiro recolhido das altas taxas de impostos que temos aqui, empobrecendo cada vez mais a sociedade menos privilegiada e comprometendo assim, o futuro da nação.

Na esfera religiosa, podemos notar o preconceito existente entre os participantes, que não se respeitam e tampouco sabem valorizar o conhecimento e as crenças de seus semelhantes, como se todos aqueles que divergissem deles fossem passíveis de total desprezo e desdém por conta de terem pensamentos espirituais contrários. Desta forma, vemos que não existe união entre os religiosos, pelo contrário, existe uma guerra travada em busca da defesa de doutrinas, que são mais importantes do que a harmonia entre as pessoas. É óbvio que devemos defender nossos princípios, até porque, respeitar as diferenças não significa concordar com elas, no entanto, também precisamos nos preocupar em ter deferência com o próximo, dando a ele toda a dignidade que ele merece como ser humano.

Nas escolas, vemos nossos mestres serem agredidos verbalmente e fisicamente, como se fossem verdadeiros sacos de pancada, quando deveriam ser vistos como heróis, pois, possuem uma bagagem intelectual sólida, que é capaz de transformar nosso mundo e enriquecer nosso nível de conhecimento, nos curando de nossa ignorância e nos entregando sabedoria para podermos ser pessoas mais competentes. Vemos também, a prática covarde e cruel do bullying entre os alunos, onde prevalece sempre a lei do mais “forte”. Funciona mais ou menos assim: elege-se um bode expiatório e o sacrifica em prol da diversão de alguns imbecilóides, que vivem para apontar defeitos e criar fatos que inexistem, afetando a autoestima da vítima e destronando seu equilíbrio mental por conta da repetição de algumas agressões psicológicas contra essa determinada pessoa. Destarte, as escolas são verdadeiros infernos, tanto para os professores quanto para os alunos.

Existiriam outros milhares de problemas a externar neste artigo, mas ficarei apenas nestes explanados, que são mais do que suficientes para notarmos que vivemos em um caos administrativo, onde pessoas sofrem a todo o tempo por conta de decisões erradas que comprometem todo o país. Portanto, devemos valorizar mais os bons hábitos e o caráter, para que possamos ter um amontoado de seres inteligentes que fazem com que suas ações sejam pautadas nos três pilares que deveriam ser seguidos à risca por todos nós, a saber: a justiça, a dignidade humana e a ética.

Quando a vida de um homem estiver prestes a expirar, ele irá querer, como nunca antes quis, olhar para o seu passado e identificar o que ele construiu ao longo de sua existência. Se ele verificar que fez a diferença na vida das pessoas, ele saberá que cumpriu sua missão na terra, do contrário, ele notará que fez um mau uso daquilo que recebeu gratuitamente dos deuses. Sem dúvidas, se alguém quiser contribuir com a evolução da humanidade e com o futuro de nossos pares, deverá lapidar-se primeiramente, construindo um coração forte e uma mente instruída, para que assim, ele possa ser uma criatura que está preparada para ser luz em um mundo onde estamos cercados e pressionados cada vez mais pela escuridão, fazendo de sua alma uma alma de perpétua servidão e de total compromisso com a honra.


Escrito por Pablo de Paula Bravin, alguém que é apaixonado por conhecimento e busca aliar teoria e prática, de modo a alcançar a perfeição e entregar para as pessoas a máxima excelência.
Acesse meu Facebook